sexta-feira, 15 de janeiro de 2016

Saiba quanto cada candidato a prefeito e vereador poderá gastar em Tangará na Eleição 2016

208 mil reais. Este é o valor limite que cada candidato a prefeito de Tangará da Serra poderá gastar nas eleições de 2016. A planilha com os limites foi divulgada pelo Tribunal Superior Eleitoral e utiliza como base a Resolução 23.459 de dezembro de 2015.

Planilha foi divulgada pelo TSE esta semana
Vista parcial de Tangará da Serra
A resolução por sua vez está embasada na minirreforma eleitoral ocorrida no ano passada e sancionada pela presidente da República no mês de outubro.

Quando o assunto é gastos de campanha, a reforma apresenta para essa eleição dois pontos preponderantes:
- o primeiro – esta será a primeira eleição em que está proibido o financiamento privado de campanhas;
- e o segundo – os candidatos, tanto a prefeito quanto a vereador poderão gastar apenas 70% do maior gasto declarado pelos candidatos em 2012.

Limite prefeito:
O valor máximo fixado pelo TSE para os gastos da campanha a prefeito em Tangará da Serra em 2016 será de R$ 208.592,36 – valor que equivale a 70% dos 297 mil e 989 reais consumidos pelo candidato a prefeito que mais gastou em 2012.

Rubens Jolando (PR na época) gastou mais de 297 mil reais.

Limite vereador:
O valor máximo fixado pelo TSE para os gastos da campanha de candidatos a vereador em Tangará da Serra em 2016 será de R$ 34 mil e 13 reais – valor que equivale a 70% dos 48 mil e 591 reais consumidos pelo candidato a vereador que mais gastou em 2012.

Os tetos de gastos para os candidatos a prefeito e vereador na primeira eleição depois da proibição do financiamento privado indicam que a campanha de 2016 vai ser bem mais modesta, mais magrinha que a de 2012. Candidatos terão que dar uma apertada no orçamento e fazer uma campanha mais enxuta e objetiva.