quarta-feira, 6 de abril de 2016

Justiça seja feita: Construção de UPA é herança do Saturnino; Fábio prometeu outras duas

Obra de UPA está atrasada em dois anos
Reportagem
Alexandre Rolim

Tenho visto publicações nas redes sociais destacando que a UPA 24 Horas (Unidade de Pronto Atendimento) que está sendo construída em anexo ao Hospital Municipal (antiga Santa Casa) é obra da atual gestão municipal, mas tenho que discordar. E tenho argumentos, que seguem.

Justiça seja feita. Essa construção não é mérito da atual administração, é herança do deputado estadual Saturnino Masson (PSDB) que deixou tudo encaminhado quando entregou a Prefeitura para Fábio Junqueira (PMDB) em 31 de dezembro de 2012.

Neste link aqui tem uma matéria publicada pelo Jornal A Gazeta em 06 de novembro de 2012 onde Saturnino e Fábio ensaiavam a transição de governo. Repare que no quinto parágrafo há a informação sobre a UPA.

A UPA 24 Horas foi aprovada e o convênio foi assinado pelo então secretário de Saúde Jairo Ayres. A verba (R$ 733 mil) foi liberada no final de 2012, nos últimos meses da Gestão Masson. Junqueira assumiu e encontrou tudo encaminhado, mas só iniciou a obra em meados de agosto de 2013 com previsão de término em 12 de fevereiro de 2014.

Isto é, gastou-se quase quatro anos para construir essa UPA cuja obra já era pra ter sido entregue há mais de dois anos.

E digo mais, sem ressentimento e sem medo de errar. Lembro que durante a campanha Fábio e Zé Pequeno se propuseram a construir outras duas UPA’s, uma no Jardim dos Ipês e outra na Vila Esmeralda. E isso está na página 17 do Plano de Governo registrado no TRE, veja abaixo:

(...)
6) EIXO SAÚDE
6.2 implantação de atendimento integral 24 horas por dia na Vila Esmeralda e no Jardim dos Ipês, com a instalação de um Posto de saúde para atendimento de urgência e emergências;
(...)


Então, não sou eu que estou criando fato nenhum. É verídico, está no Plano de Governo de Fábio e Zé Pequeno. Só estou dizendo isso para que sejamos justos.