sexta-feira, 8 de abril de 2016

Prefeitura proíbe estacionamento, mas mantém a Praça dos Pioneiros abandonada e sem utilidade

Cadeados foram colocados
Reportagem
Alexandre Rolim

Precisou de intervenção do Ministério Público para que a Prefeitura começasse a coibir o estacionamento de veículos no interior da Praça dos Pioneiros. A promotora de Justiça Alessandra Godoi notificou o Município em dezembro argumentando que praça pública é local de lazer, não de estacionamento de carros. O prefeito Fábio (PMDB) atendeu.

Bem, a proibição começou ontem e já gera polêmica. Nas redes sociais as pessoas criticam e as opiniões se dividem: algumas aprovam a iniciativa enquanto outras tem posicionamento contrário. Os contrários alegam que a praça serve como estacionamento para feirantes e pequenos comerciantes daquela região que não terão mais onde estacionar seus veículos. Os favoráveis defendem o mesmo ponto de vista da promotora: a praça é para lazer e deve ser utilizada para tal.

Comunicado mostra motivo da proibição
Mas espera aí. Só proponho uma reflexão. Faz tanto tempo que esta praça não é utilizada para lazer. Além da academia da terceira idade o que há nela? Está abandonada. No final do ano voltou a ser utilizada para as festividades de Natal, porém, nos demais meses é dormitório e restaurante de andarilhos.

Defendo que seja sim considerado que praça é local para a família, para o lazer, para a diversão, o esporte. Mas, que este fim seja dado a Praça dos Pioneiros então. Porque hoje do jeito que tá não passa de um espaço vazio, desocupado, abandonado e sem utilidade alguma.

Havia um projeto de revitalização, cadê?

Já está mais do que na hora de se reformar e dar utilidade a esta praça, afinal de contas os Pioneiros que dão nome a ela não devem estar nada contentes com o abandono ao qual ela está submetida.

Praça está meio abandonada

Maioria do tempo fica assim, vazia, sem serventia

Abandono visível

Andarilho encontrado morto em 2015 no local. Praça é restaurante e dormitório de andarilhos.