quarta-feira, 20 de abril de 2016

Niltinho pede expulsão de Valtenir do PMDB; Romer propõe moção de repúdio

Valtenir Pereira votou contra o processo de impeachment de Dilma
Reportagem
Alexandre Rolim

Dois vereadores reagiram com veemência a conduta do deputado federal Valtenir Pereira (PMDB) na Câmara Federal.

O vereador peemedebista Niltinho do Lanche pediu à presidente do PMDB em Tangará Edna Campos, que encaminhe documento ao diretório estadual solicitando o desligamento imediato de Valtenir do quadro de filiados.

Niltinho disse que Valtenir feriu o Estatuto do Partido não atendendo o clamor do povo mato-grossense. Ao citar o artigo 10 do estatuto do partido, Niltinho disse: “com um misto de profunda tristeza pela forma como o deputado agiu publicamente, desrespeitando o povo que o elegeu e o PMDB, com veemente indignação, venho solicitar seu desligamento do PMDB”, disse o vereador dizendo estar inconformado com a posição do deputado Valtenir Pereira.

E tem mais, Valtenir Pereira, apesar de sua força em Tangará poderá virar alvo de uma moção de repúdio na Câmara Municipal. Ontem, o vereador Romer Japonês (PSD) tentou de todas as formas coletar o número suficiente de assinaturas para apresentar a moção. Todavia, além da dele, conseguiu apenas outras duas: a de Azenate (PSB) e a de Fabão (PSDB).


São necessárias cinco assinaturas para que a moção seja apresentada em plenário, conforme manda o Regimento Interno da Casa. Bem, acho que ele vai conseguir ou os demais vereadores concordam com Valtenir ao votar contrário ao processo de impeachment de Dilma? Cuidado aí gente, o povo ta de olho!