quarta-feira, 16 de março de 2016

Apenas quatro dos 14 vereadores ainda não trocaram de partido, Sommavilla deixou o PV

Sílvio Sommavilla está sem partido
A janela para a troca de partidos está se fechando e na Câmara Municipal apenas 4 vereadores continuam em suas siglas originais: Fabão e Professor Vagner no PSDB, Zedeca no PMDB e Coquinho no PT. O restante já mudou de agremiação nas últimas semanas ou está sem partido.

Vagner disse que mudanças estão fora de cogitação, Coquinho disse que corrupção há em todas as demais siglas então fica no PT e Zedeca disse que não abandonará seus 18 anos de história no PMDB.

Três vereadores estão sem partido, entre eles o presidente da Câmara Sílvio Sommavilla que está ‘desfiliado’ do Partido Verde. Dona Neide ficou apenas 3 meses no PMB e já saiu fora. A motivação é por discordância com o quadro de filiados.

Já Romer Japonês, que também largou mão do PMB, saiu chateado com o deputado Valtenir. Para ele, Valtenir foi desleal com os quatro vereadores que o seguiram em dezembro. “Recebi convites de outros dois partidos e ainda essa semana terei uma posição”, disse ele.


Tanto Romer quanto Neide dialogam com o PMDB. Sommavilla anunciará nos próximos dias que rumo tomará.